• Voa Goleiro

Zoológico do gol: Gatito, Aranha, Leão, Coelho, Macaco… Veja os goleiros com apelidos de bicho

Como um “gato”… Gatito Fernández defendeu três cobranças de pênalti do Olimpia e ajudou na classificação do Botafogo à próxima fase da Libertadores. O arqueiro alvinegro, assim como seu pai, Gato Fernández, tem como apelido um animal, algo muito comum no futebol, principalmente para defender os gols de clubes e seleções. O zoológico dos gramados é repleto de “bichos” de várias espécies: Aranha Negra, Pato, Coelho, Escorpião e até Leão, o rei da selva.

A maioria dos goleiros desse “zoológico” já se aposentou ou faleceu. João Batista Lopes, o Abelha, que jogou no Flamengo e São Paulo; o argentino Ubaldo Fillol, “El Pato”, que jogou pelo Flamengo, River Plate, Racing, Atlético de Madrid e Vélez Sarsfield; o Lula, ex-Náutico e Corinthians, que faleceu em 2014; entre outros.

Escolhemos dez arqueiros e ex-jogadores da posição para relembrar após a grande atuação de Gatito Fernández. Confira:

Roberto “Gatito” Júnior Fernández Torres, 28 anos – atualmente no Botafogo.

Roberto “Gato” Eladio Fernández Roa, 62 anos – pai de Gatito e ex-jogador do Internacional, Palmeiras e seleção do Paraguai.


Roberto Carlos “Pato” Abbondanzieri, 44 anos – Aposentado, jogou pelo Boca Juniors e Internacional, além da seleção da Argentina.

Emerson Leão, 67 anos – Tem o “Leão” como sobrenome. Foi campeão mundial com a seleção brasileira e passou por vários clubes, como Palmeiras, Grêmio e Corinthians.

José René “Escorpião” Higuita Buros Zapata, 50 anos – ex-jogador e titular da seleção da Colômbia.

Eliel José Martins Santos “Pantera”, 34 anos – ex America-RN, Campinense, CSA e atualmente no Sousa, da Paraíba.

Juvenal Marinho dos Passos, o Juca Baleia, 57 anos – Aposentado, é ex-goleiro do Sampaio Corrêa, Bacabal (MA) e Expressinho.


Óscar Pérez Rojas, Conejo (coelho), 44 anos – ex-seleção do México, atualmente joga no Pachuca.

Carlos Fernando Navarro Montoya, “Mono Montoya” (macaco Montoya), 50 anos – Ex-jogador do -Boca Juniors e do Atlético-PR.

Mário Lúcio Duarte Costa “Aranha”, 36 anos – atualmente Ponte Preta, mas já passou por Santos, Atlético-MG e sofreu racismo por parte de uma torcedora do Grêmio.

0 visualização

Receba nossas atualizações

  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 por Voa Goleiro. Tudo sobre Goleiros.