• Voa Goleiro

Fã de Ceni, Muslera diz que não dispensaria São Paulo

Atualizado: Mai 19

O goleiro uruguaio Muslera, de 32 anos, é o jogador da seleção de seu país que mais vezes atuou em uma Copa do Mundo. Nesta edição do Mundial, Muslera sofreu apenas um gol e o Uruguai está classificado para as quartas de final, quando medirá forças com a seleção da França.

Em entrevista, Muslera, que atua no Galatasaray, da Turquia, falou um pouco sobre o futebol brasileiro. O goleiro elogiou Rogério Ceni, ex-goleiro do São Paulo e hoje treinador do Fortaleza, e afirmou que defenderia o clube paulista se fosse convidado.

“Rogério demonstrou ao longo da carreira o motivo de carregar o apelido ‘mito’. Além disso, ele demonstra seu amor e o orgulho de ter jogado toda sua carreira no clube. Me identifico com ele, com sua maneira de ser dentro e fora de campo”, elogiou Muslera.

Sobre uma ida ao São Paulo, o jogador foi direto. “Obviamente se eu tiver a possibilidade de atuar em um clube tão importante, tão reconhecido, eu não pensaria duas vezes”, declarou.

Em 2012, Muslera marcou o primeiro gol de sua carreira. Um ano antes, Rogério Ceni havia marcado o seu gol de número 100. Ceni encerrou sua carreira como jogador em 2015 ocupando o posto de maior goleiro artilheiro da história – vai demorar para alguém alcance esse feito.

“Rogério tem essa marca importante de ser um goleiro artilheiro e isso é demais. Inspiro-me nele nisso também e espero marcar mais gols na minha carreira”, comentou Muslera.

Grandes nomes do futebol uruguaio já passaram pelo São Paulo e escreveram suas histórias no Tricolor. Exemplos são Diego Lugano, hoje integrante da diretoria do clube paulista; Darío Pereyra, na década de 1980; e Pedro Rocha, na década de 1970.

0 visualização

Receba nossas atualizações

  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 por Voa Goleiro. Tudo sobre Goleiros.