• Voa Goleiro

Com defesas milagrosas, goleiro do Operário vira o grande herói de título histórico

Atualizado: Mai 20

O Operário Ferroviário calou mais de 41 mil torcedores presentes na Arena Pantanal, na noite deste sábado, e fez história ao conquistar o título do Campeonato Brasileiro da Série C. O time de Ponta Grossa não se deixou afetar por uma paralisação de uma hora e meia por queda de energia e venceu o Cuiabá por 1 a 0, no segundo jogo da final. Muito disso, por conta de grande atuação do goleiro Simão. O primeiro jogo, em Ponta Grossa, terminou empatado por 3 a 3.

Após o retorno da energia, a partida foi reiniciada e as primeiras oportunidades claras de gol demoraram um pouco a surgir. Aos poucos, o Cuiabá foi contagiado pela energia da torcida e conseguiu aplicar sua proposta totalmente ofensiva. Aos 19 minutos, Simão fez grande defesa após cabeceio de Jenison. Três minutos depois, Adriano Pardal saiu livre, muito perto do gol, mas mandou para fora.

Apesar de continuarem com a posse de bola no campo de ataque, os cuiabanos tiveram dificuldades para criar mais oportunidades de gol e até deixaram o Operário equilibrar um pouco as ações dos jogos. Ainda assim, o time de casa quase foi para o intervalo em vantagem no placar, não fosse mais uma boa intervenção de Simão, que usou o pé para defender cabeceio de Adriano Pardal, aos 47.

No início do segundo tempo, o time de Ponta Grossa resolveu se arriscar um pouco mais no ataque e viu a iniciativa dar resultado. Aos nove minutos, Quirino entrou na área pela esquerda e bateu cruzado. O goleiro Victor Souza espalmou e a bola sobrou para Bruno Batata abrir o placar.

O gol sofrido logo no início da etapa complementar fez com que o Cuiabá se lançasse ao ataque sem a mesma organização apresentada durante o primeiro tempo. Quase sempre com os dez jogadores de linha no campo de ataque, os cuiabanos foram para o tudo ou nada e deixaram o jogo emocionante, dando espaço para o Operário contra-atacar.

Ainda assim, os donos da casa fizeram uma pressão absurda nos minutos finais e viram Simão operar dois milagres após os 45 minutos, além de terem colocado uma bola na trave. O goleiro foi decisivo e saiu de campo como um dos heróis do título.

1 visualização

Receba nossas atualizações

  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 por Voa Goleiro. Tudo sobre Goleiros.