• Voa Goleiro

A deficiência técnica de Joe Hart

Guardiola deixou claro que Hart não é o goleiro ideal para seu estilo de jogo. Com o goleiro da Inglaterra se preparando para a vida longe do Manchester City, existem questões mais profundas para enfrentar? Adam Bate, do jornal inglês Sky Sports, consultou peritos no assunto e as estatísticas em uma tentativa de chegar à raiz dos problemas de Hart.

A contratação de Claudio Bravo pelo City colocou em xeque a capacidade de Hart com a bola nos pés. As habilidades do goleiro inglês já foram comparadas desfavoravelmente com o novo goleiro e é claro que isso é um fator-chave para Guardiola.

No entanto, a taxa de 100% de passes completos em seu último jogo pelo City, contra o Steua Bucareste, deixou evidente que uma mudança no estilo de jogo poderia ser adaptada rapidamente. Hart mostrou ser um goleiro confiante o suficiente para tentar um novo tipo de jogo.

A despedida de Hart do Manchester City.


. Mas há uma explicação alternativa e mais preocupante para a partida de Hart e que pode ter sido esquecida em meio a tantas conversas a respeito de estilos de jogo. Foi um verão difícil para o inglês, incluindo erros contra o País e Gales e Islândia, na Euro 2016, problema que não se referem a bola nos pés e sim à bola nas mãos.

Os dois gols mencionados foram marcados no canto esquerdo rasteiro de Hart e há sinais de que este é um problema recorrente para o goleiro de 29 anos. Sua última derrota como goleiro do City veio com um revés por 4×2 para o Southampton em que Sadio Mané superou o goleiro duas vezes em seu lado esquerdo.

Chutes ao gol de Hart durante a derrota por 4-2 para o Southampton, em maio de 2016. Vermelho significa defesa, amarelo significa gol.


.

A derrota anterior a essa foi contra o Manchester United, quando Marcus Rashford fez o único gol do jogo no canto esquerdo de Hart. A derrota anterior à para o Manchester United foi por 3×0 no Anfield, onde TODOS os gols foram marcados também no lado esquerdo.

Podemos dizer que o primeiro gol do jogo, marcado por Adam Lallana, foi realmente “estranho”. O chute saiu mascado e pareceu não ser tão forte. Contudo, Hart “aceitou” o gol, com uma lenta reação para realizar a queda em seu canto esquerdo. Deixou a impressão de realmente há um problema técnico.

Chutes ao gol de Hart durante a derrota por 3×0 para Liverpool. Vermelho significa defesa, amarelo significa gol.


. Este é um problema que foi identificado há 3 anos e ainda não foi “tratado”. Uma outra questão é a de chutes à distância. Dos 20 goleiros titulares da Premier League, Joe Hart está apenas em 16º no Ranking de defesas em chutes vindos de fora da área.

Infelizmente para Hart, estar classificado entre os 4 “piores” goleiros para defender chutes de longe não é uma novidade, apesar de sua consistência na meta dos Citizens, o inglês ocupa a metade de baixo neste “ranking” desde a temporada 2012/13 e vinha caindo a cada temporada.

Hart foi bastante criticado por sua atuação na Euro 2016


.

Apenas “má sorte”? Se você acreditar nisso, pode ser. Por exemplo, um dos seis gols que o goleiro do City sofreu em chutes de fora da área no último ranking foi num escanteio desviado por seu próprio defensor, Aleksandar Kolarov. Todavia, o gol foi atribuído a Ben Watson, do Watford.

Porém, os outros cinco gols de fora da área têm algo em comum: todos eles foram no canto rasteiro esquerdo. O preparador de goleiros e escritor Justin Bryant acredita que há uma falha técnica ali que está contribuindo com as dificuldades de Hart.

“Hart costuma jogar adiantado, o que não é um problema, mas, em chutes de longa distância, isso acaba tirando um pouco de seu tempo para reação.”, disse Bryant ao Sky Sports. “Mesmo quando ele já está posicionado, ainda á algo que torna isso difícil. Eu acho que à vezes ele perde a “disciplina posicional” e tenta diminuir de alguma forma o ângulo nos chutes de longe em vez de manter o posicionamento e tentar a defesa.”

Os dois gols de Mané foram exemplos dessa decisão de Hart de diminuir o ângulo “abrindo-se” em chutes de perto, o que, nesses lances, tornou mais fácil para o adversário passar a bola por ele.

Hart “abriu-se” e tentou fechar o ângulo de Mané, mas será que isso tornou mais fácil a finalização por baixo?


. Mas os gols de Gareth Bale e Kolbeinn Sigthórsson, na Euro 2016, foram casos diferentes. Hart está inteiro na bola. “Ambos os gols foram resultado de ele tentar cair com a mãos para baixo, ao invés de atirar-se em direção à bola com as mãos paralelas ao chão”, diz Bryant.

“É normal que os goleiros tenham um “lado preferido”, mas geralmente aqueles que chegam tão alto quanto Hart chegou treinam seu “lado mais fraco” para que essa “fraqueza” não fique tão aparente.

Tudo isso levanta uma discussão desconfortável para os admiradores de Hart. Será que ele é realmente tão bom quanto muitas pessoas pensam ou pensavam?

Hart não conseguiu defender o chute “fácil” de K. Sigthórsson, da Islândia.


.

Peter Shilton disse recentemente que ele não vê Hart como o titular da seleção inglesa. O grande Gordon Banks descreve Hart como “razoavelmente bom”, Banks também disse ficar desapontado ao ver Jack Butland, do Stoke City, apenas como “reserva imediato” da seleção.

Claro, Hart é um goleiro bom o suficiente para ter conquistado por duas vezes a Premier League e ele tem todos os motivos para se agarrar a essas realizações, a fim de manter sua confiança neste momento difícil. Aos 29 anos, ele está no auge de sua carreira.

Mas talvez um pouco de introspecção não faria muito mal também. Há evidências suficientes para sugerir a Hart que isso pode ser mais que uma “situação” – como ele chama -, há sempre uma lição a aprender.

“Eu sei como as coisas pode mudar rapidamente no futebol”, disse ele em uma entrevista do Daily Mail, em 2012. “Eu estou onde estou porque alguém perdeu seu lugar, então estou totalmente ciente de que preciso jogar bem para manter o meu. Nada é simplesmente dado.”

Quatro anos depois, a carreira de Hart está nesta encruzilhada. O maior desafio certamente será ele reconhecer que existem deficiências em seu jogo – com os pés e com as mãos – que precisam ser “tratadas” e melhoradas, se ele quiser conquistar, em outra temporada, Guardiola ou qualquer outra pessoa.

1 visualização

Receba nossas atualizações

  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 por Voa Goleiro. Tudo sobre Goleiros.