top of page
  • Rogger da Costa

A CHAMPIONS É CRUEL. E TEM SEU PREFERIDO

Praticamente um ano fora depois de quebrar a perna. Na temporada de seu retorno, você não merecia esse final.


Na temporada de seu retorno, da sua volta por cima. O retorno de sua performance e de seus milagres. Você não merecia que fosse assim.


O palco perfeito, o adversário perfeito. O Real Madrid, no Bernabeu. Na semi da Champions. Você não merecia.


Uma partida quase perfeita. SETE defesas absurdas, 87 minutos do melhor que o futebol pode nos proporcionar quando se fala em goleiro. Aos 88, uma bola difícil, mas que você já havia defendido mil vezes iguais, sem problemas e com perfeição.


A bola para matar o tempo e consagrar seu retorno e sua atuação.


Você não merecia, Manuel.


Mas a Champions é cruel. É cruel e tem seu preferido.


Ele se chama Real Madrid.



EFE/Mariscal


6 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page