• Voa Goleiro

Você sabia que recuo de cabeça é passível de cartão amarelo?

Atualizado: Mai 29

O meio campista croata Ivan Perisic, que atua na Inter de Milão, fez um recuo de cabeça diferente para o goleiro Handanovic, e acabou levando um cartão amarelo. Isso porque jogador levanta a bola e a recua de cabeça para o goleiro.

Em 1993 a Fifa alterou as regras do futebol para penalizar os goleiros que utilizassem as mãos para segurar um recuo intencional dos companheiros de equipe. O problema é que, na regra 12 do futebol, que fala sobre faltas e incorreções, quando se trata de ações que levam ao tiro livre indireto, há o entendimento de que o goleiro não pode usar as mãos se um companheiro, propositalmente, lhe passar a bola com os pés. Portanto, a legislação não menciona o recuo com a cabeça.

Você percebeu a sutileza da frase? COM O PÉ e somente com O PÉ! Ou seja, por mais intencional que seja um passe para o goleiro se este for feito de cabeça, de peito, de barriga, de joelho ou até de canela o goleiro pode pegar a bola com as mãos sem problema.

Agora, sem dar uma de esperto. Caso um atleta receba uma bola com o pé, por exemplo, e levante a mesma recuando a bola para o goleiro com a cabeça (que foi o ocorrido no lance).  ANTES de o goleiro pegar a bola com a mão, é sinalizado tiro livre indireto e cartão amarelo no local onde o zagueiro fez a infração por conduta inconveniente (atitude antidesportiva). Isso mesmo, antes do goleiro tocar na bola; neste caso a infração é do defensor e a regra prevê que independentemente à reação do goleiro a falta deve ser marcada.


0 visualização

Receba nossas atualizações

  • Branca Ícone Instagram
  • Ícone do Facebook Branco

© 2020 por Voa Goleiro. Tudo sobre Goleiros.